O que você não pode deixar de fazer em Morro de São Paulo.

7 de junho de 2020
Destinos Nacionais

Fala, viajante! Separamos as principais coisas que você não pode deixar de fazer quando estiver em Morro.

Mas antes de conferir essa matéria, recomendamos que leia uma outra: O que você precisa saber antes de visitar Morro de São Paulo. Com essas duas matérias você estará com as informações necessárias para que, de fato, essa viagem saia do papel e se torne incrível! [email protected]?

Final de tarde na Segunda Praia.

Se jogar na Tirolesa;

Para chegar até a Tirolesa, é preciso encarar uma pequena trilha pelo Caminho do Farol, que fica ao lado da famosa rampa de chegar à Morro. Nesse caminho também fica a Toca do Morcego que falaremos a seguir.

Encaramos cerca de 20 minutos de subida até chegar na Tirolesa Farol. É um pouco cansativo, mas fomos devagarinho e chegamos lá! Há quem faça a trilha só para admirar a vista panorâmica do Mirante da Tirolesa. Como gostamos de aventura, aproveitamos a oportunidade para descer na maior tirolesa do Brasil que cai no mar!

Com altura aproximada de 70 metros, a tirolesa faz um percurso de quase 350 metros partindo do alto do Mirante até chegar na Primeira Praia. A equipe que oferece essa aventura é muito profissional e passou confiança! Antes de descer, o guia passou algumas instruções e colocou os equipamentos de proteção. Pagamos o valor de R$ 50 (mas soubemos que houve reajuste e estão cobrando R$ 60,00).

Você encararia a tirolesa?

No final da aventura você mergulha nas águas da “Primeira Praia”… uma delícia! Fique [email protected] que terá uma pessoa lá embaixo para te ajudar! Peça para o guia registrar uma foto como essa e filmar você descendo na tirolesa (eles também oferecem o serviço de filmagem – pago à parte). Em relação aos pertences (celular, carteira, chinelo…) pode ficar [email protected], pois enviaram logo em seguida e chegaram intactos (sem molhar). ⠀

Tem uma placa no local que diz o seguinte: “O medo só nos atrapalha. Se joga na vida, curta, seja feliz. A vida é agora!”.

Acompanhar um belíssimo pôr do sol na Toca do Morcego;

Aquele lugar que você precisa conhecer quando estiver em Morro, com um ambiente bacana, boa comida e bons drinks, sem falar na decoração rústica e de meia luz. O preço é um pouco salgado, aliás, não encontramos nada barato em Morro, rs.

Um pôr do sol para ninguém botar defeito!

Pegamos um final de tarde, com uma música ambiente agradável e um pôr do sol admirável (o mais bonito da Região). Geralmente o lugar fica muito cheio, então recomendamos que você chegue pelo menos 1 hora antes do final do dia!

Pagamos R$ 10,00 pela entrada e o lugar oferece mesas, esteiras e espreguiçadeiras debaixo das árvores. Há um ambiente que acontece festas, então se você gosta, fique de olho no Instagram oficial deles. O lugar fica bem no início do Caminho do Farol, pertinho do centro da Vila.

Passar argila medicinal no corpo;

A Praia de Gamboa faz parte de Morro de São Paulo e fica cerca de 1,5 km da ilha. Para chegar lá há duas formas: caminhando (se a maré estiver baixa) ou de barco.

Na ida: pegamos o barco (espécie de táxi-boat) no píer principal de Morro e desembarcamos no píer da Gamboa. O trajeto durou 15 minutos e pagamos R$ 5,00. De lá fomos caminhando pela orla até chegar nos paredões de argila. Há agências que vendem esse passeio, mas achamos que não valia a pena (elas cobram cerca de R$ 60,00).

Na volta: optamos por voltar caminhando tranquilamente pela costa, pois a maré estava baixa. Mas muito cuidado com as pedras, hein?! Fizemos o trajeto por 40 minutos de caminhada tranquila e com diversas paradas para banho de mar.

Vista para a Praia da Gamboa e seus paredões de argila!

Atenção: Antes de você fazer isso, pergunte a algum local se é seguro fazer esse trajeto no horário que for, pois se pegar a maré alta poderá ser perigoso para você, ou então consulte a tábua das marés. A faixa de areia é curta, por isso só dá para fazer essa “trilha” com a maré baixa!

A praia da Gamboa conta com bares, restaurantes, espreguiçadeiras e barracas. Não tem a mesma infraestrutura e badalação de Morro, mas a parte boa é que os preços, tanto de pousadas quanto dos restaurantes, são bem mais em conta!

Tranquila e distante do agito, a região possui uma vila de pescadores, escola de velejadores (ótima região para a prática desse esporte), falésias com direito a banho de argila (muito legal essa experiência!) e uma excelente praia com águas calmas e de tom esverdeado (diferente da cor do mar de Morro). É ideal passar um dia inteirinho no lugar e relaxar!

O principal atrativo do local são seus paredões de argila, que ficam ao final da praia. Os moradores locais falam que essa argila tem propriedades medicinais sendo ótima para a pele. Se faz bem mesmo nós não sabemos, mas passamos por todo o corpo. Sem falar na diversão que é… renderam boas risadas! O fato é que depois que passamos a argila (deixamos agir um pouco) e tiramos no mar, a pele ficou super macia!

Os famosos paredões de argila.

Pensando em ir à Morro de São Paulo? CLIQUE AQUI e faça o seu roteiro conosco!


Fazer o passeio Volta a Ilha;

Esse é, sem dúvida, o principal passeio de barco da região. Não se preocupe em reservar o esse tour antecipado, pois há muitas agências espalhadas pela orla da Segunda Praia. Reservamos na tarde do dia anterior à data do passeio! Pagamos R$ 150,00, mas hoje esse valor já aumentou um pouco e está R$ 180,00. Você até pode conseguir algum desconto se forem mais pessoas, mas saiba que o valor é tabelado.

O ponto de encontro foi em frente à agência às 09:00 para saída do barco às 09:30 na Terceira Praia. O passeio foi numa lancha, com mais 10 pessoas, ao som de música boa e animada. Eles nos deixaram à vontade para levar nossas bebidas (tinha cooler com gelo) ou petiscos.

Alugamos o snorkel com um rapaz que estava oferecendo na rua por R$ 15,00. Ele anotou o nosso nome e do hotel. A máscara veio higienizada e depois do passeio deixamos na recepção da hospedagem que o rapaz iria passar para buscar.

Uma pena que na semana que visitamos a maré não estava baixa… algumas piscinas naturais estavam cheias e a água não tão cristalina, mas mesmo assim aproveitamos demais o dia!

Bom, esse passeio Volta na Ilha é comporto de 5 paradas:

Primeira parada: Piscinas de Garapuá – ficamos lá por 40 minutos, aproveitamos para beber um drink no bar flutuante e fizemos snorkel. Quando a maré está baixa o lugar fica ainda mais bonito!

Segunda parada: Piscinas de Moreré – essas piscinas pertencem à Ilha de Boipeba. Praticamos snorkel e aproveitamos o lugar por 40 minutos.

Piscinas Naturais de Moreré!

Terceira parada: Boca da Barra + Restaurante Toca do Lobo – ficamos cerca de 3 horas para almoçar com tranquilidade e aproveitar a região da Boca da Barra, onde admiramos o encontro do rio com o mar e relaxamos nos bancos de areia que se formam no local. Como há uma mistura de água doce com salgada, a coloração da água daqui é diferente e a temperatura também (quentinha). Algumas empresas substituem essa parada pela Praia da Coeira.

Quarta parada: Rio do Inferno e Canavieira – de volta à lancha, navegamos pelo Rio do Inferno, por onde observamos os manguezais do local, e paramos em Canavieiras, uma pequena vila de pescadores que possui como atrativo o cultivo de ostras. Aos amantes de ostras, nesse lugar vendem ostras de todos os tipos! Como não comemos, aproveitamos para relaxar e mergulhar na água doce.

Quinta e última parada: Cairu – descemos nessa cidade histórica e foi um espetáculo conhece-la. Visitamos o Convento de Santo Antônio um patrimônio histórico do tempo da colonização do país.

Convento de Santo Antônio.

De Cairu retornamos para Morro de São Paulo, por volta das 17:30, através do Rio do Inferno, de onde acompanhamos um belo final de tarde no barco.

Tomar uma caipifruta dentro do cacau.

O clima tropical de Morro fará você experimentar alguma caipifruta dentro do cacau. Nem que seja só para tirar uma foto, rs. Brincadeiras a parte, elas são deliciosas!

Você encontrará diversas barraquinhas espalhadas pela região vendendo essas bebidas, desde o centro da ilha até a orla da Segunda Praia. Há opção da caipifruta pura, só com o cacau, ou então com outra fruta misturada, como a seriguela.

Uma das várias barracas de bebida espalhadas por Morro.

Mesmo que você não beba nada alcoólico, poderá pedir uma batida só com frutas dentro do cacau, que também é uma delícia e super refrescante!

Se for postar no Instagram, marque a gente (@seliganoroteiro) que iremos repostar!

Esperamos que vocês visitem um dia esse paraíso brasileiro. Temos outras dicas dele em nossas redes sociais! Qualquer dúvida, podem deixar seu comentário logo abaixo da matéria!

Nossas redes sociais: Instagram, Facebook e Youtube.

2 thoughts on “O que você não pode deixar de fazer em Morro de São Paulo.

  1. Patricia Martins
    4 de julho de 2020
    Responder

    Fiquei morrendo de vontade de me jogar nessa tirolesa! Adorei todas as dicas 👏🏻

  2. Angela Martins
    4 de julho de 2020
    Responder

    Eu adorei conhecer Morto de São Paulo. Muito legal essa lista do que não se pode deixar de fazer nesse incrível destino! Preciso voltar e usar essa tirolesa kkk

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Open chat
1
Olá, podemos te ajudar?