Quais templos visitar em Bangkok?

16 de agosto de 2020
Destinos Internacionais


Fala, viajante! Estamos abrindo nossa primeira matéria do blog sobre a belíssima Tailândia.

Nessa série de matérias referente a viagem que fizemos ao país asiático, neste ano de 2020, traremos dicas e tudo o que você precisa saber para visitar esse lugar incrível. Sabemos que agora não é hora de viajar, mas, uma viagem para Ásia requer planejamento, e que tal começar a planejar desde já?! Comece o seu planejamento e capte muitas informações para que você não passe por perrengues durante sua #asiatrip.

Parte do Complexo do Grande Palácio!


A seguir daremos muitas dicas da Tailândia e esperamos que em breve você possa realizar esse sonho de viajar para esse país e conhecer os mais variados templos, as suas praias paradisíacas, desfrutar da gastronomia tailandesa e aprender com essa cultura incrível! Nesta primeira matéria resolvemos falar sobre o nosso roteiro dos templos de Bangkok, mas antes, vamos falar um pouquinho do país e de sua capital.

A Tailândia e sua capital


Atualmente a Tailândia possui a maior população budista do planeta. Cerca de 95% da população tailandesa é praticante do budismo. Sem dúvida alguma, a Tailândia é um dos destinos turísticos mais em alta na atualidade. Graças ao seu crescente desenvolvimento econômico e à sua grande relevância como destino turístico internacional, a capital do país se tornou uma das cidades mais influentes e modernas do sudeste asiático.


Bangkok é a capital da Tailândia e a porta de entrada dos turistas, seja para aqueles que procuram o país pelas suas praias ou aqueles que procuram uma imersão maior com a cultura tailandesa.

Os famosos Tuk-Tuks de Bangkok.


Uma das cidades mais visitadas do mundo, Bangkok é conhecida pelos seus diversos santuários majestosos, pela vida urbana agitada e pelos diversos canais do famoso Rio Chao Phraya. Não é à toa que antigamente era apelida como a Veneza do Oriente. Além disso, a capital possui um cheiro típico que quando sentimos na rua lembramos dele e até apelidamos de “cheiro de Bangkok”. Fica cal[email protected], não é ruim, mas é uma mistura de cheiros que resulta nesse cheiro típico da cidade. Só de falar dessa capital já ficou com gostinho de “quero mais”, né?!

Antes da gente falar dos melhores templos, se liga no vídeo que fizemos para o nosso canal do YOUTUBE!

Nosso roteiro – Os melhores templos de Bangkok:


Antes de mais nada, foi muito difícil definirmos os templos que visitaríamos em Bangkok. Se tivéssemos mais tempo, talvez visitaríamos outros. Essa escolha é tão difícil pelo fato de existirem muitos santuários espalhados pela cidade e por cada um guardar uma beleza e história singular.


Dica extra: recomendamos que você separe ao menos 2 dias do seu roteiro para destinar aos templos, devido à grandiosidade desses santuários, calor demasiado na capital (acima dos 40 graus), e, muitas vezes, pela lotação de pessoas. Faça as coisas com calma, aproveite para meditar, refletir e admirar a beleza de cada local.


Começamos o nosso 1º dia visitando 5 templos, sendo que os dois últimos foram rápidos. Conhecemos o Grande Palácio, em seguida o Wat Pho, o Wat Ratchabophit, o Wat Benchamabophit e finalizamos o dia no Golden Mount!
Atenção às vestimentas nos lugares sagrados. Proibido ombros de fora e roupas curtas e decotadas. Aproveite para imergir na cultura e compre uma calça ou roupa típica tailandesa (são largas e confortáveis).

Grande Palácio:


O Grande Palácio de Bangkok é um dos maiores atrativos da capital tailandesa e geralmente é o mais cheio. O complexo ocupa uma área de mais 200 mil metros quadrados e ainda hoje é utilizado para algumas cerimonias oficiais e religiosas.

O Suntuoso Grande Palácio de Bangkok!

Dentro do complexo do Grande Palácio, localiza-se o Wat Prha Kaew. É nele que está o famoso Buda de Esmeralda. Com seus 66 cm de largura e 48 cm de altura, essa é uma das estátuas de Buda mais venerada por toda Tailândia. Cabe lembrar que é proibido tirar foto do seu interior.

Os templos da área interior do Grande Palácio.


Aproveitamos para visitar o Teatro Real que estava incluído o ticket no valor do ingresso. Havia um transfer gratuito que nos deixou no teatro para assistir uma peça típica tailandesa. Foi muito bom para refrescar um pouco do calor.

Apreciando a dança com máscaras: tipicamente tailandesa!


Entrada: 500 bahts
Endereço: Phra Borom Maha Ratchawang, Phra Nakhon, Bangkok
Horário: aberto diariamente das 08h30 às 15h30.

Wat Pho:


Um dos complexos de templos mais conhecidos de Bangkok, o Wat Pho, possui uma estátua de Buda com 46 metros de comprimento e 15 metros de altura, toda coberta em ouro e com detalhes de madrepérolas em seus pés.

A famosa estátua do Buda reclinado.

Além disso, O complexo do templo abriga a maior coleção de imagens de Buda na Tailândia e a primeira Faculdade de Medicina e Massagem Tailandesa (é possível fazer massagem no local).

Algumas das diversas Pagodas encontradas no Wat Pho!


Cada conjunto de pagodas possui um significado e foi erguido ao longo dos diversos reinados da Tailândia. Além disso, o complexo conta com diversas edificações, onde em algumas delas, ainda acontecem rituais religiosos.


Entrada: 200 bahts (incluída garrafa de água)
Endereço: 2 Sanam Chai Rd, Phra Borom Maha Ratchawang, Phra Nakhon, Bangkok
Horário: aberto diariamente das 8h às 18h30.

Wat Ratchabophit:


Depois do Wat Pho, pegamos um tuk-tuk para seguirmos ao Templo de Mármore. Para nossa surpresa, avistamos esse templo e resolvemos parar para conhece-lo, pois não estava no nosso roteiro inicial.

Portal de entrada do Templo.

O santuário conta com um chedi dourado de 43m de altura, uma relíquia de Buda no seu interior, e portas de 3m de altura que são decoradas com madrepérolas. Apesar de sua beleza, o interessante desse templo é que no local fica o cemitério real, com as cinzas de diversos membros da família real tailandesa. É um templo muito bonito e pouco visitado pelos turistas.

Parte interior do complexo do templo.


Entrada: gratuita
Endereço: 2 Khwaeng Wat Ratchabophit, Khet Phra Nakhon – Krung Thep Maha Nakhon
Horário: aberto diariamente das 6h às 18:00h.

Não viaje para o Sudeste Asiático sem contratar um seguro viagem. Não economize nisso! CLIQUE AQUI e faça sua cotação.



Wat Benchamabophit:


Chamado popularmente de Templo de Mármore, esse templo é um dos mais novos de Bangkok e foi edificado em 1899, todo em mármore branco de Carrara.

Parte exterior do Wat Benchamabophit!

A beleza desse santuário está, principalmente, no seu pátio interno com mais de 50 estátuas de Buda e seu lindo portal para o templo (capa de revista internacional de viagem).

Parte interior do Wat Benchamabophit!

Passeamos pela sua área externa, aproveitamos a paz do local e encontramos diversos monges. Como esse santuário fica numa região mais afastada, a maioria dos turistas não visitam o local!

Ponte que leva à outra parte do complexo onde o templo está localizado!

Entrada: 30 bahts
Endereço: 69 Sydney Road, Dusit, Bangkok
Horário: aberto diariamente das 8h às 17:30

Golden Mount:


O Golden Mount (ou Monte Dourado) fica dentro do complexo do Wat Saket. Esse santuário ocupa uma colina artificial de 80 metros de altura e é um dos templos mais antigos de Bangkok, construído em 1767.

O famoso Golden Mount.

Ao todo são 318 degraus até o topo do templo e mais alguns até a estupa dourada.

A Estupa Dourada do Golden Mount.

Lá de cima é possível ter uma visão panorâmica de toda cidade e avistar diversos templos. É aquele lugar para se visitar com calma, meditar e aproveitar um belo fim de tarde.

Vista de Bangkok a partir do Golden Mount!


Entrada: 50 bahts
Endereço: 344 Ban Bat, Pom Prap Sattru Phai, Bangkok (entre Boriphat Road e a Lan Luang Road)
Horário: aberto diariamente das 9h às 18:00h.

Vai viajar à Tailândia e quer um roteiro totalmente personalizado? CLIQUE AQUI e saiba mais.



Fique [email protected]:


1- Negocie o valor antes de entrar no tuk-tuk, para evitar cobrança excessiva. Se possível, ande com um mapa e aponte para onde gostaria de ir para não entrar numa “furada”. Ah, uma boa é abrir o aplicativo do Grab para fazer a simulação do valor do trecho.


2- Bangkok é muito quente, então sempre ande com garrafa d’água e passe protetor solar.

Algumas das muitas estátuas de Buda que você encontra no Wat Pho.


3- A língua é uma barreira na comunicação. A maioria só entende o básico de inglês. Pesquise como fala os nomes dos lugares que você deseja visitar para facilitar o entendimento.


4- Cuidado com a comida tailandesa, porque ela é muito apimentada. Até quando pedimos sem pimenta, veio levemente picante.

Gostou da matéria? Então deixe o seu comentário logo abaixo! Postaremos muitas outras dicas da Tailândia e da nossa viagem pelo Sudeste Asiático por aqui!


Acompanhe mais dicas também em nossas redes sociais: Instagram, Facebook, Tik Tok e Youtube.

2 thoughts on “Quais templos visitar em Bangkok?

  1. Magda Maia
    17 de agosto de 2020
    Responder

    Parabéns pelo post completo. Tirou várias dúvidas que eu tinha.

    • Se Liga no Roteiro
      17 de agosto de 2020
      Responder

      Obrigado pelo feedback! 🙂

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Open chat
1
Olá, podemos te ajudar?